Condomínios são largamente conhecidos pela sensação de segurança que proporcionam aos moradores. Entretanto, com o alto índice de violência que o Brasil tem apresentado nos últimos anos, é cada vez maior a necessidade de investimento em sistemas complementares. Um deles é a portaria virtual.

Para se ter uma ideia, de acordo com dados da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, o estado enfrentou 295 mil casos de roubos entre janeiro e novembro de 2018. Desses, 251 casos foram indiciados como latrocínios (roubo seguido de morte).

Nesse cenário de insegurança que o país vive, diversos empreendimentos têm recorrido à tecnologia como auxiliar. Nesse sentido, a portaria virtual para condomínios vem conquistando cada vez mais espaço no mercado, consistindo em uma opção eficaz e com ótima relação de custo-benefício.

Quando nos deparamos com um condomínio, seja nossa própria casa ou para fazer uma visita, já esperamos um porteiro do outro lado do interfone ou na guarita do local, pronto para nos atender e liberar a entrada aos espaços internos. Entretanto, para condomínios não funciona assim.

Basicamente, todo o sistema de segurança e liberação da entrada de pessoas ao local é concentrado em uma sala de controle, da qual um funcionário é responsável por todo esse processo.

Então, qual o grande diferencial da portaria virtual para condomínios?

É simples:
trata-se de um sistema mais eficaz e que reduz drasticamente custos de manutenção, já que todo o controle local pode ser realizado à distância.

Se você está se perguntando a respeito dos moradores, fique tranquilo. A entrada, nesse caso, é liberada por meio de uma identificação, a qual permite que o reconhecimento seja feito com facilidade.

Esse tipo de processo, geralmente, é realizado por meio do cadastro biométrico do morador ou por tags, que permitam a entrada automática.

Como funciona o recebimento de encomendas?

Uma preocupação de diversos moradores ao pensarem na possibilidade de adotar o sistema de portaria virtual em seus condomínios, é sobre o recebimento de encomendas e entregas.

Mas, ao contrário do que muitos imaginam, o processo pode ser ainda mais facilitado por meio da portaria virtual. Isso porque as encomendas são entregues diretamente ao zelador do prédio.

No caso de entregas rápidas, como delivery de alimentos e semelhantes, o sistema é feito da mesma forma que a entrada de visitantes. Basicamente, por meio do controle central, o morador é notificado a respeito da chegada do entregador.

Segurança antipânico

Todos os tipos de condomínios devem obedecer algumas Normas Regulamentadoras de segurança, principalmente quando o assunto é estrutura, com o objetivo de evitar incêndios, explosões ou quaisquer tipos de acidentes.

Entretanto, é necessário que os condomínios estejam preparados para essas situações. A portaria inteligente pode ajudar nesse processo em casos de emergências.

Com um simples toque é possível acionar as autoridades competentes, como Bombeiros, Polícia Civil e outros, de forma rápida, minimizando os impactos e protegendo também a vida dos moradores.

Principais benefícios da portaria virtual para condomínios

Como já mencionado, esse modelo de portaria apresenta diversos benefícios. Confira os principais:

  • redução de custos com mão de obra e manutenção da portaria física;
  • maior sensação de segurança;
  • menor risco de assaltos;
  • comunicação facilitada;
  • permite investimentos em outras áreas do condomínio.

Além disso, junto à portaria virtual, é possível utilizar outros sistemas de segurança, como sensores de presença, alarmes, botões de pânico, entre outros.

Por: Blog ProSecurity